Portugal Exportador Interviews #1 – Jose Minguez, Country Manager da Air Europa

“A Air Europa marcará presença no Portugal Exportador para dar a conhecer o nosso network a nível mundial, e para apresentar as empresas dentro do Holding Globalia, do qual faz parte a Air Europa Cargo.” Jose Minguez, Country Manager da Air Europa São palavras do Country Manager da Air Europa em Portugal, Jose Minguez, uma das empresas patrocinadoras do Portugal Exportador 2019. A Air Europa, empresa de aviação que opera há 10 anos em Portugal, apresenta-se na 14ª edição do Portugal Exportador numa perspectiva de dar a conhecer a sua frota da Air Europa Cargo, uma vez que as questões logísticas e de carga são muito importantes no processo de internacionalização de uma empresa. A pensar nisso, inclusive, a Air Europa promove um café temático no evento - Ferramentas e dicas para o controlo das despesas de viagem - de forma a esclarecer dúvidas e questões dos visitantes do evento. Com cada vez mais experiência no transporte de cargas, a "Air Europa, como tem vindo a fazer até agora, continuará a promover a exportação de serviços e carga entre a Europa e América", refere Jose Minguez. O objectivo da participação no evento, confidencia o Country Manager da marca, é o de dar a conhecer as "diferentes empresas dentro do Holding Globalia, do qual faz parte Air Europa Cargo", oferecendo assim uma alternativa da Air Europa para além da oferta já conhecida de voos comerciais. A perspectiva de crescimento em Portugal é positiva: "Continuaremos a acreditar nos canais de distribuição habituais, esperando atingir maiores cotas de markert share a partir de Lisboa e Porto para a América do Sul e Estados Unidos da América", uma aposta que se prende com um dado inegável, como conclui: "Lembramos que o Turismo é uma das principais indústrias em Portugal, que aporta mais do 15% ao PIB." Para além do crescimento no nosso país, Jose Minguez refere que a empresa tem crescido exponencialmente nos últimos anos, a nível de frota, com dados estatísticos concretos que nos revelou: "Passámos de um frota de longo curso de doze aviões A330/200 com 24 lugares em classe executiva, e dois A330/300 full turística, para uma frota de 8 Dreamliner 787/800 com capacidade para 296 passageiros, dos quais 22 são em classe executiva, e ainda 15 Dreamliner 787/900 com capacidade para 333 passageiros, dos quais 33 [...]